Na Central Eléctrica de José Mendes Carvalho e Sobrinhos

Ações disponíveis

Ações disponíveis ao leitor

Representação digital

Na Central Eléctrica de José Mendes Carvalho e Sobrinhos

Consultar no telemóvel

Código QR do registo

Partilhar

 

Na Central Eléctrica de José Mendes Carvalho e Sobrinhos

Detalhes do registo

Nível de descrição

Documento simples   Documento simples

Código de referência

PT/AMVDG/VMPB/B/000064

Tipo de título

Atribuído

Título

Na Central Eléctrica de José Mendes Carvalho e Sobrinhos

Datas de produção

1927  a  1928 

Dimensão e suporte

8,9x6,4cm - Digital de original

Extensões

1 Outro

Fonte imediata de aquisição ou transferência

Empréstimo para digitalização - Cedida por António do Rosário Pereira Rosa (Matos Rosa)

Âmbito e conteúdo

Grupo de homens (supostamente os irmãos Silva, Manuel e António, com mais ajudantes externos) junto ao primeiro mecanismo ou sistema que forneceu energia eléctrica à Vidigueira, aquando da sua montagem inicial, propriedade de José Mendes Carvalho e Sobrinhos. No canto inferior esquerdo está visível, inscrito a caneta, “Cliché Mattos Rosa”. No fascículo de propaganda regional “Renovação”, datado de 10 de Julho de 1937, dedicado à Vidigueira, podia ler-se na publicidade alusiva a José Mendes Carvalho & Sobrinhos a seguinte informação referente à Central termoeléctrica de serviço público: “Central eléctrica fornecedora de energia e de luz às indústrias, aos domicílios e via pública de Vila de Frades (1932) e Vidigueira (1928). A Central Eléctrica foi inaugurada a 17 de Maio de 1928 e desde essa época que vem funcionando desde o pôr-do-sol até ao amanhecer, com a máxima pontualidade e segurança. Possui esta central dois colossais motores que trabalham a óleos pesados adquiridos na Itália, na casa «Franco Tosi», e cuja potência normal de cada motor regula por 120 H.P. Estes motores accionam dois dínamos, um «Bergmann» de 87 quilowats, e outro «Siemens» de 100 quilowats. A sala onde estes mecanismos estão montados têm 17 metros de comprido, 7 de largura e 6,20m de altura”.

Cota descritiva

VMPB/B

Idioma e escrita

Português

Data de publicação

29/07/2021 00:15:12